31.3.14

33.

Cortei as minhas asas agora. Voar mais alto só irá provocar uma queda maior. Cada vez mais doloroso, não tenho força para tanto. Se é para ser assim, que seja. Quando duas pessoas não querem o mesmo, não vale a pena continuar a alimentar algo que já não tem fome.

9 comentários:

  1. Também é preciso saber ceder e perceber quando se deve desistir. Desistir nem sempre significa fraqueza, mas sim enfrentar o medo. Força para enfrentar esse teu medo que te assombra, esse medo que tanto temias e não querias que chegasse, mas a vida não é sempre como queremos... Lutar por um sonho de duas pessoas que apenas uma deseja é mais torturante e magoa mil vezes mais já para não falar que nunca vai chegar a lado nenhum, por isso força e enfrenta tudo isso com toda a tua alma.

    ResponderEliminar
  2. resp: Não tens de quê queria, se não formos uns para os outros, o que seria de nós e o que valeríamos para os outros e mesmo para nós mesmos? Nada...
    Espero que fiques bem e que tudo isso passe!

    ResponderEliminar
  3. muito obrigada <3
    queria fazer-te uma perguntinha: dizes no perfil que andas em ciências farmacêuticas... posso saber em que faculdade?

    ResponderEliminar
  4. conheço sim. perguntei porque no ano passado também andei em cf no porto, mas na ffup :)

    ResponderEliminar
  5. agora estou em medicina no minho :)

    ResponderEliminar
  6. "Quando duas pessoas não querem o mesmo, não vale a pena continuar a alimentar algo que já não tem fome." Era mesmo isto que eu queria escrever e não conseguia, eram mesmo essas palavras que tinham de perfurar os meus olhos e chegar à minha alma! Hoje essa frase que escreveste descreve o meu dia. A minha piedosa guerra por algo que já não pede a minha luta. Obrigada por seres fenomenal, por teres escrito o que eu precisava de ler!

    ResponderEliminar
  7. Gostei muito de ter passado por aqui. Vou ficar.

    ResponderEliminar
  8. Oh, fico feliz por saber que te vou poder abraçar pequenina!

    ResponderEliminar