8.9.14

coisas das onze da noite, quatro

Deito-me de lágrimas nos olhos e terço na mão. E rezo, rezo na esperança de que algo me ajude. A minha falta de sorte é qualquer coisa. Que adormecer não seja tão difícil assim.

3 comentários:

  1. O problema é que até adormecer é difícil, mas acreditar até ao fim é o segredo da luta, nunca desistas... Seja do que for, acima de tudo, nunca desistas de ti!

    ResponderEliminar
  2. Tem calma querida.
    O azar não durara para sempre, isso será obstáculos que a vida de dá para ver se consegues ultrapassar e tornares-te forte.

    beijinhos

    ResponderEliminar
  3. chá de camomila para acalmar corações. tudo se resolve e ainda que chores muito, são lágrimas mais doces.

    em segundo lugar, mudasti o bilógue!

    ResponderEliminar